Como conseguir os primeiros clientes depois de virar Redator Freelancer - Eduardo B Corrêa

Este site usa cookies e tecnologias afins que nos ajudam a oferecer uma melhor experiência. Ao clicar no botão "Aceitar" ou continuar sua navegação você concorda com o uso de cookies.

Aceitar

Empreendedorismo

Como conseguir os primeiros clientes depois de virar Redator Freelancer

Eduardo Corrêa
Escrito por Eduardo Corrêa em 24 de setembro de 2021
Como conseguir os primeiros clientes depois de virar Redator Freelancer
Junte-se a mais de 6 mil pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos sobre o Mercado e a Profissão do Redator Freelancer.

A pergunta mais frequente que os redatores fazem no início da carreira é sobre como conseguir os primeiros clientes?

Na verdade, esse é um dos maiores desafios que os redatores, tanto iniciantes quanto experientes precisam vencer. Afinal, quem deseja viver de escrita precisa saber como manter um fluxo constante de novos jobs para garantir os boletos no final do mês.

Nesse artigo eu vou explicar por onde você pode começar e qual o método mais eficiente para um redator iniciante conseguir os primeiros clientes.

Como conseguir os primeiros clientes de escrita

Atualmente, existem diversas maneiras para você conseguir os primeiros clientes depois de virar redator freelancer. Vou listar aqui as mais comuns. Todas possuem vantagens e desvantagens e é importante que você entenda quais são aquelas que mais se identificam com seu perfil.

Aproveite e também assista a um vídeo que eu gravei falando sobre esse tema.

Plataformas especializadas 

A melhor fonte para os redatores inicantes conquistarem os primeiros clientes são as plataformas especializadas em trabalhos freelancers. Elas foram criadas para servirem de ponte entre as empresas que precisam encontrar   profissionais prestadores de serviços e os freelancers que querem oferecer seu trabalho.

Atualmente, existem dezenas de plataformas no mercado, cada uma com suas características próprias. Algumas são mais interessantes do que as outras.

Para você entender um pouco como funciona, eu separei 5 plataformas mais utilizadas pelos redatores iniciantes para conseguir seus primeiros clientes.

Rock Content

Você já deve ter ouvido falar ou até mesmo ter feito algum curso da Rock Content. Ela é uma das mais conceituadas plataformas no quesito de redação para Web.

A certificação da Rock é uma das exigências básicas para um redator iniciante, depois que você faz o curso pode se candidatar a uma vaga de redator na própria plataforma.

Para conseguir um job na Rock, é necessário que você faça um teste que costuma ser um texto de 500 palavras de temas específicos.

Também vale ressaltar que atualmente a Rock Content, só aceita redatores como pessoa jurídica, ou seja, um redator freelancer vai ter que se cadastrar como Microempreendedor Individual (MEI).

Assim é possível emitir notas fiscais, o que demonstra um maior profissionalismo, além de poder se candidatar a projetos de empresas maiores.

Contentools

A Contentools, trabalha com redatores, tradutores, social media, videomakers, editores e outros tipos de profissionais criativos.

No entanto, assim como a Rock Content, a Contentools exige que o redator faça um teste de redação e que também possuam MEI para emitir notas fiscais pelos serviços prestados.

Segundo os profissionais que trabalham para essa plataforma, os valores são negociados diretamente com os clientes.

Sendo assim, não existe valor fixo por artigo, cada redator estipula um orçamento para cada projeto.

Meu Redator

O cadastro é gratuito e o candidato também precisa enviar dois textos para aprovação da equipe do site.

As áreas de marketing digital, tecnologia, saúde e bem-estar, moda, turismo, mercado imobiliário e finanças são as mais requisitadas.

99freelas

Na 99freelas, as oportunidades surgem a todo momento e você precisará estar preparado para enviar a melhor proposta e conquistar seu novo cliente.

As empresas interessadas em contratar um freelancer publicam projetos para que os produtores de conteúdo façam suas propostas, com preços e prazos definidos.

Essa plataforma permite, ainda, que seus usuários criem um perfil que funcionará como um portfólio dos seus trabalhos.

É possível utilizá-la gratuitamente, porém muitos profissionais costumam assinar planos mensais para dar destaque ao perfil e chamar a atenção.

A 99freelas possui 3 tipos de planos: o Free, Pro e Premium.

O Plano Free como o próprio nome diz é gratuito, você não vai pagar nada para fazer parte dele, veja abaixo o que ele oferece:

  • você pode fazer até 40 conexões mensais;
  • tem até 7 dias úteis para receber o valor do projeto, após aprovação do cliente;
  • a taxa de intermediação da 99freelas é de 20%;
  • podem ser cadastradas até 5 áreas de interesse e habilidades;
  • podem ser incluídos até 5 trabalhos no portfólio.

No planos pagos você é o primeiro a ter acesso aos projetos das empresas além das seguintes vantagens: 

 No  Plano Pro você investe R$ 43,90 mensais e tem direito a:

  • 160 conexões mensais;
  • 5 dias úteis para receber o pagamento pelo trabalho concluído e aprovado;
  • a taxa de intermediação diminui para 15%;
  • cadastro de até 20 áreas de interesse e habilidades;
  • inclusão de 12 trabalhos no portfólio;

Agora, se você tiver condições de investir R$ 79,90 mensais no Plano Premium as vantagens são ainda maiores:

  • as conexões são ilimitadas;
  • o freela recebe o pagamento em até 3 dias após a aprovação do projeto;
  • a taxa de intermediação é de 10%;
  • cadastro de 30 áreas de interesse e 50 habilidades;
  • inclusão de até 15 trabalhos no portfólio;

Obs: os valores e características dos planos podem ter mudado dependendo de quando você estiver lendo este artigo 

Workana

O Workana é o maior site da América Latina para serviços freelancers. Ele funciona de forma semelhante à 99freelas.

Nessa plataforma, as pessoas interessadas no trabalho de profissionais freelancers anunciam o que procuram para receberem propostas e escolherem a melhor.

Na Workana, também é possível optar pela conta gratuita, porém ela disponibiliza aos usuários 3 planos pagos, o Plus, Profissional e Premium. Em todos eles você pode fechar o pacote mensal ou trimestral (com desconto).

Como essa plataforma atende a toda a América Latina os valores dos planos aparecem em dólar, mas na própria página você pode convertê-los para a moeda do seu país.

No Plano Plus você paga USD 4,90 e tem os seguintes benefícios:

  • 5 conexões semanais
  • Ver profissionais que se candidataram a um projeto
  • Ver freelancer escolhido nos projetos que você se candidatou
  • Conferir se sua proposta foi lida ou não
  • 2 saques mensais (no início e no meio do mês)
  • 2 projetos em execução
  • Contatar projetos novos 40 minutos depois de publicado
  • Receber chamadas de vídeo
  • 5 habilidades adicionais em seu perfil
  • Siga a atividade de até 5 clientes
  • 1 certificação de habilidades por mês
  • Notificação de novos projetos
  • 1 categoria do perfil

No Plano Profissional o valor é de USD 16,90 por mês e tem os seguintes benefícios:

  • Mais de 15 conexões semanais
  • Ver profissionais que se candidataram a um projeto
  • Ver o freelancer escolhido nos projetos que você se candidatou
  • Conferir se sua proposta foi lida ou não
  • Status de propostas dos seus concorrentes
  • Saques semanais
  • 5 projetos em execução
  • Contatar projetos novos 20 minutos depois de publicado
  • Receber e iniciar chamadas de vídeo
  • 10 habilidades adicionais em seu perfil
  • Siga a atividade de até 10 clientes
  • Certificação de habilidades ilimitada
  • Notificação de novos projetos
  • 2 categorias de perfis

O Plano Premium custa USD 24,90 e segue a mesma linha do plano profissional, porém  se destaca pelas seguintes vantagens:

  • Mais de 50 conexões semanais
  • Valor médio das propostas dos seus concorrentes
  • Projetos em execução ilimitados
  • 20 habilidades adicionais em seu perfil
  • Siga a atividade de até 20 clientes
  • 4 categorias de perfis
  • Até 5 chats mensais com a equipe de suporte premium
  • Selo de freelancer premium

Obs: os valores e características dos planos podem ter mudado dependendo de quando você estiver lendo este artigo 

Prospecção ativa de clientes

Se a vida de freelancer vai ser sua única fonte de renda, você não pode esperar o trabalho aparecer.

Quem é redator freelancer sabe que o retorno financeiro é instável, a única coisa certa são os boletos que chegam para você pagar.

Uma forma muito eficiente de vender seus serviços e que a médio e longo prazo vai te dar um bom retorno financeiro, é fazer a prospecção ativa de clientes.

A prospecção ativa de clientes significa em você vender seus serviços diretamente para a fonte, ou seja, para a empresa que necessita de um redator freelancer.

Poucas pessoas que iniciam o trabalho de redator freelancer vão atrás dos seus próprios clientes na internet.

Contudo, esse método é muito eficiente e você não vai precisar esperar aparecer um trabalho nas plataformas de freelancer.

Você será o responsável em captar e manter os seus clientes, e garantir uma renda mensal mais estável.

Dá trabalho? Dá.

Mas é uma ótima maneira de você fazer uma carteira de clientes fiéis que vai garantir uma renda certa todo mês.

Para fazer a prospecção ativa, você vai precisar separar, pelo menos, uma ou duas horas por dia para ir atrás dos seus futuros clientes.

E esses clientes estão em diversos canais da internet como veremos a seguir. 

Google

Esse site de busca é poderoso para o redator conseguir seus primeiros clientes. A grande maioria das empresas que possuem sites e blogs estão lá.

Digite a palavra-chave do assunto que você domina e procure pelas empresas que trabalham sobre o tema pesquisado. 

Escolha as pequenas e médias empresas que estão na terceira página em diante do Google.

Geralmente as empresas que estão nessas páginas não tem blog ou estão desatualizados.

Entre em contato com o dono ou responsável da empresa e ofereça seus serviços. Use a sua criatividade e habilidade de vendedor.

Comente sobre a página desatualizada e mostre como você com os seus conhecimentos e técnicas de SEO, pode fazer com que a empresa apareça na primeira página do Google.

Facebook

 A grande sacada nessa rede é você entrar em grupos que tratam de assuntos específicos e oferecer os seus serviços de uma forma discreta.

Vamos supor que você trabalhe com RH (Recursos Humanos), no Facebook há vários grupos que tratam desse assunto.

Observe os posts desses grupos e interaja com eles, isso é uma ótima forma de ser visto.

Não faça posts oferecendo seu trabalho, muitos grupos não aceitam essa abordagem e você pode ser expulso por isso.

Separe alguns temas da sua área que sejam relevantes e interessantes, escreva sobre eles e poste. Comente nos posts dos outros também.

Com isso, você vai engajando cada vez mais pessoas e empresas que estão presentes na plataforma,que vão ler o seu conteúdo e entrar em contato com você.

Linkedin

O Linkedin também é uma ótima rede para o redator conseguir seus primeiros clientes. Assim como o Google, várias empresas estão presentes nesta plataforma.

Se você já faz parte dela, deve ter percebido que todo mundo que está no Linkedin tem um blog próprio, e você pode ser contratado para escrever artigos para as empresas que ali estão.

Essas são algumas opções para você que está começando na profissão de redator freelancer oferecer seus serviços.

Como você pôde observar ao longo deste artigo, as plataformas freelancer e a prospecção ativa são algumas formas para você captar seus primeiros clientes.

Porém, qual será a sua estratégia para conseguir seus primeiros jobs?

Caso queira saber mais sobre Prospecção Ativa, assista a essa aula.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *